Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Crónicas do Chão Salgado

resistir e criar, por mais que nos salguem o chão dos dias | crónicas, memoirs, leituras e imperdíveis por aí

Crónicas do Chão Salgado

resistir e criar, por mais que nos salguem o chão dos dias | crónicas, memoirs, leituras e imperdíveis por aí

Receita de Zuppa di ceci i calamari

Além de não gostar de estar em casa, adoro cruzar fronteiras! Viajar é conhecer outros modos de estar, de pensar... de criar! E claro, de cozinhar.
 
Sou das pessoas que entra num restaurante de comida estrangeira e escolhe os pratos sem sequer saber o que levam. Adoro ser surpreendida, o desconhecido atrai-me até num prato de sopa! Já comi coisas que nem aqui refiro mas, que não arrisca...
E na Páscoa de 2019, passada em Florença, descobri uma das minhas receitas preferidas.
 
Por esses dias experimentei a maravilhosa "Zuppa di ceci e calamari". Não fazia ideia do que lá vinha, mas gostei de tal forma que voltei várias vezes e não descansei enquanto não descobri a receita!
Tornou-se um hábito cá de casa, o meu pessoal adora!
 
Zuppa di ceci i calamari
Deitar em azeite um dente de alho e uma colher de sobremesa de alecrim . Esperar que o aroma a campo invada a casa e alguém meta o nariz na cozinha "Que cheirinho bom, que estás a fazer?"
Sorrir misteriosamente e deitar  um frasco de grão cozido na frigideira. Temperar com pimenta. Saltear até o grão começar a perder a casca e pular de contente na frigideira.
Colocar o grão num recipiente e juntar meio litro de caldo de legumes Triturar. Eu coloquei na Bimby que o faz melhor e mais depressa, a minha varinha já viu melhores dias... Ah! Reservar um pouco do caldo para as lulas, aí uma meia chávena.
Na frigideira deitar argolas de lulas descongeladas e cortadas aos bocados... ou inteiras, cada um sabe do tamanho da sua boca. Temperar com pimenta. Saltear enquanto de descolam os resíduos que ficaram na frigideira.
Juntar o caldo de legumes reservado e deixar estufar até estarem cozinhadas a gosto. Para mim, 5mn chegam.
Juntar as lulas ao creme e recordar as tardes de Florença...