Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Crónicas do Chão Salgado

resistir e criar, por mais que nos salguem o chão dos dias | crónicas, memoirs, leituras e imperdíveis por aí

Crónicas do Chão Salgado

resistir e criar, por mais que nos salguem o chão dos dias | crónicas, memoirs, leituras e imperdíveis por aí

branco - Bela Vista

0F3A4993-11CF-451A-B0F8-AE055D683095

 
Aos acossados pelo mar.
Aos que rompem as ondas e vão fundo,
e se enredam nas algas e rasgam nas conchas.
 
Aos que caminham nus pela areia,
de sorrisos soalheiros e pingando oceano.
 
Aos que regressam a casa e passam a mão no corpo,
branco do sal que fica, signo da pertença aos dias de Verão 
(que todos sabemos, é eterno).
 
Dias branqueados por gaivotas sobrevoando a água,
a espuma desfazendo-se na areia...
a madeira do bar da praia, que sentimos de pés escaldantes.

Branco dádiva, cor que não é cor,
que quando espanta e repudia a luz,
é para mais nos iluminar os dias e as as memórias.


DCB98D91-C6F8-42AC-9633-CAF61DB531CC

Escrever é maravilhoso, ler não lhe fica atrás. Obrigada aos que passaram por aqui, foi um prazer fazer a voltinha pelos vossos textos. 

Esta é a despedida do"desafio da caixa de lápis de cor, lêmo-nos por aí.


fotos: Praia da Bela Vista, Costa da Caparica