Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Crónicas do Chão Salgado

resistir e criar, por mais que nos salguem o chão dos dias | crónicas, memoirs, & leituras

Crónicas do Chão Salgado

resistir e criar, por mais que nos salguem o chão dos dias | crónicas, memoirs, & leituras

Os Amores do Senhor Nishino, Hiromi Kawakami

Hiromi Kawakami “é uma das escritoras contemporâneas mais populares do Japão”, assim termina a apresentação na badana de “Os Amores do Senhor Nishino”, da Casa das Letras.
O termo “popular” torna-me logo desconfiada e começo estas leituras com algumas reservas… que aqui logo se dissiparam.
Ao longo de histórias que têm como personagem principal as mulheres que cruzam a vida de Nishino, vamos correndo diferentes formas de amar e desamar. De passar pela carne, pelo sexo. A prosa é de uma sensualidade transparente, por vezes brutal de tão direta, e os sentimentos ora nos são apresentados frágeis, como um pássaro acabado de nascer, ora como um espinho de uma rosa ali, à espera de quem se atreve.
Não terei nunca hipótese de ler o original, mas arrisco-me a dizer que a tradução de Maria João Lourenço só pode ser excelente, pelo ritmo que sinto na obra e o modo como me envolveu.
Um dos contos tem o título de “Uvas”, e é como um cacho de uvas que este livro se saboreia… até porque se o autor da história de Adão e Eva tivesse provado uvas, esta seria certamente a fruta do pecado.

2 comentários

  • Imagem de perfil

    concha 11.07.2021

    Pois 😂 também eu!
    Beijinhos e boa semana ♥️
  • Comentar:

    Mais

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog tem comentários moderados.